Doxa e Aletheia…

A liberdade de expressão e, mais ainda, a liberdade de pensamento constituem bens preciosos. Parece demonstrado que onde elas existem, as sociedades se tornam culturalmente mais avançadas, abertas e universalistas. As Artes florescem, a Ciência progride, a Religião aprofunda-se, a Política clarifica-se.

Somos, portanto, inequivocamente a favor da liberdade de opinião e da existência de meios e oportunidades (o que nem sempre acontece…) para que a pluralidade de opiniões se manifeste.

Tal, porém, não obsta a que reconheçamos igualmente que nem todas as opiniões têm o mesmo valor e que existem muitos diferentes graus de legitimidade para emitir essas opiniões. No meio do populismo e das guerras das audiências que hoje campeiam, até poderá parecer sacrílego que lembremos, por exemplo, que existe uma grande diferença entre o indivíduo que pensou ligeiramente sobre um assunto e solta, despreocupada e peremptoriamente, um “eu acho que” e um indivíduo que estudou anos e anos, de modo aprofundado e continuado, esse mesmo assunto. Todos têm o direito a achar mas manda o bom senso que tenhamos o sentido das proporções.

Assim, é preciso não confundir a liberdade de pensamento e de expressão com o mérito e o valor desse pensamento ou dessa expressão. A sinceridade pode ser considerada uma qualidade; no entanto, se um indivíduo, manifestando sinceramente os seus instintos violentos, cometer uma série de desmandos e de injustiças, estes não ficam justificados pela sua sinceridade.

Os antigos filósofos gregos, com cuja sabedoria ainda temos muito a beneficiar-nos, tinham bem presente a distinção a que vimos aludindo. Colocavam num plano de mérito inferior doxa (a opinião infundamentada e baseada nas aparências externas) e valorizavam, sim, aletheia (a verdade rigorosa, porque fundamentada e baseada no real). É bem possível que eles tivessem razão…

José Manuel Anacleto
Presidente do Centro Lusitano de Unificação Cultural

License

This work is published under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs 2.5 License.

Post a Comment

You must be logged in to post a comment.